22.09.07

"Por vezes abro a mão onde encerrei as ternuras mas nunca abro mão de sonhar com o que quiser. Não me peçam amor. Não me peçam para ser diferente. Não me peçam aquilo que não sei se um dia conseguirei dar de novo, pois se me pedirem eu recuo como um animal encurralado. Nada se pede, tudo se transforma – prefiro esta variante que criei em minha defesa. Até porque há muitas coisas que se perdem, mas nunca para sempre.


Acredito que cedemos e somos cedidos, nesta e numa outra dimensão. O que agora perco, alguém ganha por mim. No fundo, o nosso coração é uma enorme caixinha de perdidos e achados."

 

Aqui:http://acarosnoarmario.blogs.sapo.pt/

 

Ao menino que mesmo não sabendo de estórias inteiras me faz sorrir.

Diz-me :"Gmdt" e eu esboço um sorriso.

Se ele me faz sorrir mereçe um post no frio polar.

Se ele me faz sorrir mereçe um cantinho no meu coração.

Se ele me faz sorri mereçe(-me)?(cada vez mais acho que sim)

 

*Gosto muito de ti

 

 

Foto:Graça Loureiro

publicado por hanna às 00:09

Continuando a derreter o gelo...
mais sobre mim
Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12

17
18

25
27
28



arquivos
2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
blogs SAPO